A última vez que eu escrevi sobre World of Warships, comentei o quanto a Wargaming tinha acelerado o seu desenvolvimento. Não fico surpreso em ver que a versão 0.10.1, lançada nesta semana, esteja tão repleta de conteúdo significativo.

Para começo são os novos encouraçados italianos que são o: Dante Alighieri (Nível IV), Conte di Cavour (Nível V), Andrea Doria (Nível VI), Francesco Caracciolo (Nível VII), Vittorio Veneto (Nível VIII), e o Lepanto (Nível IX).

Com o intuito de diferenciá-los em relação a outras nações, as embarcações possuem projéteis semi-penetrantes, maior blindagem e manobrabilidade. Infelizmente não posso comentar sobre como eles se saem em combate já que acesso antecipado aos mesmos requerem um novo recurso chamado “Tokens Italianos”.

Tais tokens são obtidos por meio de grupos de missões de combate. De acordo com a Wargaming, quem completar todas as missões terá tokens suficiente para pegar os encouraçados de nível IV a VI e recebe o Lepanto (Nível IX) como recompensa. Com o tempo apertado que eu tenho, não sei se conseguirei completar todas as missões a tempo de escrever sobre as embarcações.

Vale apontar também que a versão 0.10.1 já começa a segunda temporada das batalhas classificatórias. Como apontado no final do ano passado, as batalhas classificatórias serão quebradas em “temporadas” de uma a três semanas ao invés de durarem o ano todo. A Wargaming espera que o sistema de progressão e o matchmaking seja mais transparente.

Se for para se basear puramente nas informações do site oficial, as recompensas e o sistema de progressão estão muito melhores. Cada ranque tem suas respectivas recompensas determinadas por vitórias e não vejo nada que desestimule alguém de jogá-las. Isto é, sem contar os jogadores com seus torpedos precisos – sei muito bem esta dor.

A lista de alterações da versão 0.10.1 de World of Warships, incluindo melhorias visuais nos mapas e interface, está disponível no site oficial.

World of Warships recebe navios italianos e nova temporada classificatória

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.