Wargroove

Acompanhar os jogos da Chucklefish pelos últimos anos me fez compreender duas coisas: eles são belos e o seu suporte pós-lançamento é lento, mas certeiro. Na primeira grande atualização do game de estratégia em turnos Wargroove, a desenvolvedora já resolveu uma série de pequenos problemas na interface e de quebra adicionou o tão desejado sistema de checkpoints.

Previamente não era possível interromper uma missão no meio a não ser que você jogasse no console (fazendo uso do sistema de standby). O novo sistema permite que você crie um checkpoint durante a missão, que imediatamente é apagado após resumi-la. Você também retornar ao checkpoint caso falhe a missão. Pense nele como um “quick-save” de jogos como Fire Emblem e Advance Wars.

O mais importante para mim fica nas melhorias de interface, com um novo menu que facilita a compreensão de qual unidade é mais forte ou fraca contra um adversário específico, a opção de acelerar a animação de movimento das unidades e uma tela de confirmação para finalizar o turno.

As melhorias não mitigam os meus incômodos com o jogo – os quais descrevi no meu artigo sobre simplicidade vs limitação – mas já são um bom começo para que Wargroove seja mais atraente. Tudo o que falta são ferramentas para mods de qualidade para que eu possa criar facções realmente diversas.

A lista de alterações está disponível no fórum do Steam.

Wargroove ganha checkpoints e interface refinada

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.