Home of Wargamers

Na tarde desta última segunda-feira (6), a Matrix Games / Slitherine transmitiu via seu canal no Twitch a terceira edição do “Home of Wargamers”, cujo propósito era demonstrar os próximos lançamentos da empresa para os próximos meses. Para aqueles que esperavam mais detalhes sobre Close Combat, lamento, pois só tivemos um trailer “furreca“. Agora para os fãs de Panzer General e Fantasy General II, a transmissão estava recheada.

Começando com Panzer Corps 2, a Slitherine apresenta um jogo ainda relativamente conservativo em comparação ao primeiro game. O conceito é o mesmo: um jogo de estratégia em turnos com foco na compra de unidades, captura de quartéis generais em um determinado número de turnos e o equilíbrio das forças em campo. Algumas das novidades demonstradas é a capacidade de unidades de reconhecimento serem capazes de capturar bases, a possibilidade de separar unidades do mesmo grupo para infligir maior dano no inimigo, novas unidades capazes de criarem pontes temporárias para resgatar unidades prestes a serem derrotadas pelo oponente, finalmente a adição de uma opção de desfazer ações (aleluia), e obviamente a nova engine do game.

Outro foco que devo levantar em relação ao Panzer Corps original é a maior presença de artilharia e aviões – coisa que Order of Battle já tinha aos montes – mas é bom ver a Slitherine abraçar ainda mais essa mecânica para tornar as partidas mais dinâmicas, uma das minhas principais críticas em relação ao Panzer Corps original.

Por muito tempo fiquei receoso com a possível sequência do game pelo conservadorismo quase extremo da Matrix Games / Slitherine em não querer mudar a fórmula. Ao que tudo indica, Panzer Corps 2 vai ser sim a evolução necessária para manter-se relevante no atual cenário de estratégia e ainda manter a acessibilidade da franquia. Só me questiono sobre o futuro de Order of Battle, que tem suas mecânicas “defasadas” em quase todos os aspectos quando comparado a Panzer Corps 2.

Mas quem rouba a cena mesmo é Fantasy General II. Apesar de ser mostrado apenas em imagens (com um vlog já divulgado na última semana, o que você pode ver abaixo), a “Owned by Gravity” aparenta estar fazendo o máximo possível para se distânciar da noção de que Fantasy General era apenas um mero “clone” de Panzer General. As unidades são mais variadas, o mapa está belíssimo e ele – tal como Panzer Corps 2 – retém a acessibilidade da franquia.

Fechando o “Home of Wargamers”, a Matrix Games comenta do segundo desafio de Field of Glory Empires, o seu game de estratégia feito pela AGEOD e focado no império romano (um tema recorrente em 2019). O objetivo da vez é conquistar 20 regiões e obter 7500 moedas de ouro como cártago. Recomendo vocês darem uma olhada no vídeo de DasTactic e a sua tentativa de resolver o desafio – que pelo visto é uma tremenda dor de cabeça.

Todos os games citados durante o “Home of Wargamers” estão previstos para 2019. Mais detalhes sobre as datas de lançamento serão divulgadas futuramente.

Veja o que rolou na “Home of Wargamers” da Slitherine.

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.