SCUM

Sabe o que acontece quando um desenvolvedor tem a ideia para um survival desnecessariamente complexo e uma publisher que olha para ele e fala “vai fundo”? Você tem SCUM, o game da Gamepires e a Devolver Digital disponibilizado nesta quarta-feira (29) via acesso antecipado no Steam por R$37,99.

Superficialmente ele pode parecer até um pouco com DayZ, um mapa gigantesco, necessidade de se alimentar, beber água, tudo o que um survival posui. É aí que as diferenças param. A Gamepires criou um sistema de evolução de personagem que é influenciado basicamente por tudo que você possa imaginar. Um personagem mais forte pode carregar mais peso, porém é mais lento, mas ele também pode acabar por perder esse “bônus” se não se alimentar direito com a quantidade correta de vitaminas.

Isso também acaba por alterar os batimentos cardíacos, o ganho ou a perda de atributos por dia, fadiga, etc. Além disso existem outros atributos relacionado a própria proficiência com certos tipos de armas ou reconhecimento de uma área. Um jogador com um maior nível de “reconhecimento” poderá identificar outros jogadores em uma distância maior, o que pode ser combatido caso esse jogador oponente tenha um nível de camuflagem alto.

Atualmente o game já possui mais da metade das funcionalidades básicas implementadas, enquanto as avançadas — como crafting de alta qualidade ou missões com histórias — só devem aparecer próximo do lançamento, previso para o ano que vem. Mas, como todo jogo em acesso antecipado, espere que ele demore um pouco mais de um ano (ou até dois, nunca se sabe).

Do que eu joguei até então, SCUM me surpreendeu um tanto positivamente. Primeiro por estar muito mais polido do que eu esperava (leia como “o personagem não atravessou o chão e desapareceu”), e trazer variedade via eventos especiais que incluem team deathmatch e captura de áreas – onde você pode se aliar temporariamente com outras pessoas para participar. Resta agora eu sobreviver tempo o suficiente e ter um equipamento decente para participar.

Survival game SCUM está disponível no Steam Early Access

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.