Imperator: Rome

Depois de alguns meses de breve silêncio, mudanças na programação de atualizações e uma nova equipe à frente do desenvolvimento, a Paradox anunciou que Imperator: Rome ganhará a sua tão esperada atualização 2.0 em 16 de fevereiro junto com o DLC “Heirs of Alexander” via Steam, GOG e Microsoft Store.

Para quem não está a par da situação de Imperator: Rome, a desenvolvedora sueca praticamente voltou ao “zero” depois das duras críticas feitas na atualização 1.4 e decidiu repensar boa parte do jogo. Isso resulta nesta nova atualização que inclui um novo sistema de levies, legiões, um novo sistema de progressão para as unidades militares e até uma interface mais amigável.

Já o pacote  Heirs of Alexander é o seu típico pacote de conteúdo no estilo Crusader Kings 2 / Europa Universalis IV. Ele trará uma nova árvore de missões para o império Antigónida, o império Selêucida, o reino Ptolemaico, Macedônia e Trácia.

Para não dizer que a Paradox está “fazendo a mesma coisa”, Heirs of Alexander trará uma mecânica um tanto interessante – a capacidade de construir monumentos personalizados e aumentar o bônus de uma província. Espere, além disso novos eventos, novos tipos de tesouros e obviamente novos deuses para complicar ainda mais como você vai gerenciar o seu império.

Eu sei que sou uma exceção quando digo que sempre gostei muito de Imperator: Rome desde o início do seu desenvolvimento dado as minhas expectativas que ele não fosse nada mais do que uma versão expandida de Europa Universalis: Rome – o que ele é. Não nego que eu também estou contente com a nova direção tomada pela equipe.

Uma das melhorias que estão inclusas na atualização 2.0, chamada “Marius”, é o novo sistema de migração. Em suma, a desenvolvedora quer reduzir picos de migração fazendo com que as suas cidades se tornem insustentáveis do dia para a noite ao distribuir diferentes “valores” que podem fazer com que uma população se interesse por sua cidade. Isso não está ligado somente a quantidade de comida, mas também a eficácia de pesquisa, o quão avançada é a sua sociedade e por aí vai.

Isso sem contar a nova interface, mostrada em extenso durante dois diários de desenvolvimento (Diário 1 / Diário 2), que tem tudo para ser mais atraente – e possivelmente mais intuitiva para aqueles que visam migrar de jogos mais recentes como Crusader Kings 3.

Agora que já temos uma data e uma noção básica do conteúdo, só nos resta esperar até 16 de fevereiro e descobrir se Imperator: Rome dará a guinada que muitos fãs querem.

Paradox anuncia “Heirs of Alexander” para Imperator: Rome

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.