O que vão jogar este final de semana?

Oi, tudo bom com vocês? Eu sei que essa é uma chamada peculiar para o Hu3Br. Há tempos penso em perguntar como vocês estão, os planos de jogatina para o final de semana. Há vezes que eu não vejo muito motivo para, outras vezes me esqueço. Mas os tempos mudaram, estamos enfrentando crises em todas as frentes possíveis. Eu estou cansado, muito cansado – e acredito que muitos de vocês estão passando pelo mesmo.

Meus finais de semana tendem a ser voltados a manutenção do site. Planejamento de conteúdo para as próximas semanas, envio de e-mails, verificar servidor e por aí vai. Tais tarefas tem se tornado mais e mais difíceis com a sobrecarga de informação que as redes sociais vêm trazendo. (Se você não me acompanha no Twitter, fique a vontade para me seguir, mas espere bastante shitpost).

Por isso que pergunto: o que vocês vão jogar este final de semana? O que vocês vão fazer? Ver alguma série, ler algum livro? Se atualizar em algum podcast? Assistir algum amigo ou amiga fazer transmissão via Twitch? (Não me peçam para fazer transmissão, não sou bom nisso).

Este final de semana vai ser de “descanso” no quesito jogos de estratégia aqui para o site. Tenho na lista o novo Commander & Conquer Remastered, o já atrasado DLC de Total War: Warhammer II – que peço desculpas por não ter escrito nada sobre ainda e o recém-lançado Carrier Battles 4 Guadalcanal. Há outros que não posso comentar por motivos de embargo.

A razão disso é que um dos projetos no qual eu estava envolvido como tester e revisor de texto, Shadow Empire da Slitherine Games, saiu esta semana. Foram ao menos seis meses de suadeira para deixar tudo pronto para o lançamento. Eu não sou a melhor pessoa para opinar, mas eu considero ele incrível em vários aspecto, dentre eles fica a mistura 4X, wargame e um tiquinho de Crusader Kings. A interface é um pouco amedrontadora e o manual – de 349 páginas – não ajuda. Se você tiver interesse nele, posso fazer um texto sobre.

Por isso que vou me voltar para os meus “comfort games”. Aqueles que eu jogo para descansar a cabeça, não pensar em muito mas ainda assim me manter ativo de alguma forma. Na lista estão Dungeon Defenders Awakened, Total Tank Simulator e Gunfire Reborn.

Dungeon Defenders Awakened

jogar Dungeon Defenders Awakened

Apesar da comunidade estar dividida em relação a vários aspectos –mapa reciclados do primeiro jogo, a mudança de preço de quem apoiou no Kickstarter e quem comprou no lançamento – Dungeon Defenders Awakened é no mínimo um competente reboot de uma franquia que se perdeu muito na tentativa de virar free-to-play.

Se você já jogou um deles, sabe bem o que esperar: crie um personagem, use suas torres e habilidades para derrotar hordas de monstros e obtenha loot. A melhor inovação de Awakened para mim é que os pontos de experiência agora são divididos entre os personagens. Adeus para aquele grind horrível! Eu jogo no modo solo e ainda assim me divirto.

Total Tank Simulator

jogar Total Tank Simulator

A primeira grande surpresa da lista é esse Total Tank Simulator. Quase sempre que vejo um desses “simuladores” eu já espero meia hora de diversão e o resto de tédio. A equipe Noobz from Poland conseguiu o impossível, criar um com uma campanha competente, um estilo de batalha a là Battlefield Heroes e centenas de unidades.

Por estar em acesso antecipado, tem lá as suas arestas a serem polidas. O desempenho de batalhas grandes faz a minha máquina (que é um  i9-9900k com uma 2080Ti) chorar e o controle dos tanques tem espaço para melhorar. Como alguém que nunca entendeu a graça de jogos do tipo “Totally Accurate Battle Simulator”, Total Tank Simulator faz um ótimo trabalho de me incentivar os meus próprios cenários.

Gunfire Reborn

jogar Gunfire Reborn

Do mesmo jeito que Plebby Quest: The Crusades e Mistover me pegaram desprevenido, Gunfire Reborn da Duoyi Interactive Entertainment – em acesso antecipado – entrou voando para os meus comfort games. E não é à toa, ele une as melhores partes de Borderlands (mais de 100 itens de loot) sem aturar o humor insuportável da Gearbox, elementos de roguelite e um visual bem descomprometido. De quebra você pode controlar um gato e um cachorro.

Uma run virava duas, que virava três, que virava quatro e no final do dia eu já estava com mais vontade de jogar. Ele está cru em áreas como variedades de mapas e chefões; tendo em vista que ele deve ficar mais quatro meses em produção, creio que esse conteúdo chegue bem rápido. Fica de recomendação se vocês gostam de se aventurar por jogos em Early Access.

Queria ter tido mais tempo para preparar esse texto, colocar algumas recomendações do itch.io e outros indies que eu vi pela semana. Como falei no começo. Eu estou cansado, e preciso desligar um pouco o cérebro. Na próxima eu capricho mais, prometo.

Que vocês tenham um ótimo final de semana, e obrigado por nos acompanhar <3.

O que vão jogar este final de semana?

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.