Call of Cthulhu

A Focus Home Interactive tem uma mania horrível de não mostrar seus jogos que não sejam por trailers que destoam totalmente da jogabilidade. Por conta disso, nunca havia prestado atenção em como a história de Call of Cthulhu, previsto para 30 de outubro no Xbox One, PlayStation 4 e PC, se desenrolaria. O trailer divulgado nesta quinta-feira (20) me surpreende.

Ao contrário do que é típico da Cyanide – mais famosa pela série Styx e seus jogos de estratégia – Call of Cthulhu é um é jogado em primeira pessoa em primeira pessoa que surpreendentemente envolve elementos de stealth, combate, e onde é possível até traçar paralelos entre ele e call of Cthulhu: Dark Corners of the Earth (2006, PC, Xbox). A versão da Cyanide é muito mais “modernizada” e com um design mais “linear”, mas o aspecto investigativo e os habitantes pouco amigáveis ainda estão presentes.

O jogo gira em torno de Edward Pierce, um investigador particular que é contratado para desvendar a morte de Sarah Dawkins família na ilha de Darkwater. A medida que a trama se desenrola, o jogador estará mais próximo do que eles chamam de “esfera de influência” de Cthulhu, e certas ilusões podem aparecer para confundi-lo.

Novo trailer de Call of Cthulhu testa a sua sanidade

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.