Kingdoms of Amalur

Antes de escrever essa nota eu me questionei a razão de alguém fazer um “remaster” de Kingdoms of Amalur. Não faz tanto tempo assim que ele saiu, certo? Fui ver a data e.. 2012. Nossa, como o tempo voa. É tempo suficiente para um remaster? Bem, a THQ Nordic acha que sim e divulgou um novo trailer de gameplay da versão Re-Reckoning que sai em 8 de setembro no PC e consoles.

Apesar de curtíssimo, o trailer vai direto ao ponto e aponta uma das diferentes especializações que você pode ter no jogo, Finesse. Essa é a especialização para aqueles que gostam de ser furtivos e ter uma classe voltada para DPS. Pessoalmente eu não joguei o original desta forma e tenho pouco a adicionar. Entretanto, parece ser divertido.

Os visuais no geral não parecem tão “melhores” assim do que o original. O suporte a 4K nativo é muito bem vindo e qualquer coisa para fazer rodá-lo em sistemas modernos sem tanta dor de cabeça é uma ajuda e tanto.

Mas, se tem uma coisa que eu me lembro muito bem sobre Kingdoms of Amalur é o quão longo ele é. Nada surpreendente já que originalmente ele era para ser um MMO. Só o fato de que há 8 anos atrás ele funcionou até que bem como um RPG single-player é um milagre. Me pergunto se o Lucas de 2021 vai ter a mesma paciência de jogar Kingdoms of Amalur: Re-Reckoning como teve com o original. Descobriei em breve.

Vídeo de Kingdoms of Amalur: Re-Reckoning mostra um dos tipos de classe

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.