Imperiums

Depois da enormidade de problemas e melhorias que Agressors Ancient Rome precisou passar para se tornar um 4X jogável, eu não imaginei que a desenvolvedora Kube não pensaria tão cedo em retornar ao gênero. Ela me provou errado na última semana com o anúncio de Imperiums: Greek Wars – previsto para o primeiro trimestre de 2020.

Ao que tudo indica, Imperiums pega todo o aprendizado de Agressors e aplica em uma nova temática. O 4X começa em 359BC durante o reinado de Filipe II da Macedônia – o que o faz um dos poucos jogos de estratégia que não se curva a eterna ovação do período romano.

Fora esse diferencial, a Kube promete o tradicional “expandir, conquistar, dominar” do gênero em um mapa que retém o uso de quadrados ao invés de hexágonos. Uma decisão bastante peculiar sendo que a maioria dos 4X abandonou tal mecânica.

Entretanto, os dois trailers de Imperiums: Greek Wars até então causam pouco impacto em mim. Os visuais trazem a sensação do “mais do mesmo”, o que torço para que mude a medida em que novas informações forem divulgadas nos próximos meses.

Do meu ponto de vista? Se eles melhorarem o combate e a diplomacia – os aspectos mais fracos de Agressors – já terão um competente 4X em mãos.

Imperiums: Greek Wars é o novo 4X da equipe de Aggressors: Ancient Rome

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.