Guia de solo ranked matchmaking do Dota 2

Desde que o Ranked Matchmaking foi adicionado no final de 2013, muitos tem optado por esse modo para partidas mais sérias. Isso significa que o modo não tem a sua parcela de problemas? Claro que tem, principalmente no modo solo.

Com esse guia de solo ranked matchmaking, baseado em grande parte pelo mesmo feito por  SlashStrike do TwitchTV, um player com mais de 5000 de MMR, você pode melhorar um pouco sua atitude e ter uma experiência melhor nesse modo.

ATUALIZADO: Agosto de 2015

Seja mais positivo

É compreensível que algo como isso possa ser difícil em um game como o Dota 2, mas é preciso entender que ser positivo em uma partida pode alterar o rumo dela consideravelmente.

Como o Slashstrike aponta, por trás de todo herói, há um jogador. O tipo de resposta que ele recebe molda o seu estilo de jogo.

Enquanto jogadores profissionais tem mais costumes de assumir riscos graças a não tomarem negatividade de seus companheiros de equipe, pessoas que não conhecem tem medo de serem humilhadas durante a partida.

Um exemplo que foi muito bem colocado pelo autor é o exemplo de um herói não fazer um item que você considera essencial, como a Luna e a BKB. Para isso ele utiliza três frases:

“Meu deus, a luna não está fazendo uma BKB”.

“Luna porque você não está fazendo uma BKB?”

“Luna, eu creio que fazer uma BKB para essa partida seria uma boa”.

Na primeira resposta, como o autor não comenta do problema direto com o jogador, isso o insulta, prejudica sua confiança e faz com que ele se sinta acuado, o que reduz seu desempenho na partida inteira. Além disso, causa um efeito onde os outros jogadores da sua equipe entendem que o cara não tem mais jeito. O que resta é reclamar reclamar reclamar.

Guia de Solo Ranked Matchmaking
Na segunda opção, as coisas melhoram, mas ainda não tanto. A pergunta faz com que o jogador sinta dúvida da sua decisão e resulte em uma partida mais defensiva. Mesmo que ele tenha imaginado uma resposta para essa pergunta. Não há uma maneira positiva de responder a isso. Com isso, há uma perda de comunicação entre ele e o resto da equipe.

Pode não parecer a primeiro momento, mas no subconsciente faz com que as decisões do jogador ao longo da batalha tenham como um elemento influenciador a sua pergunta sobre a não construção de uma BKB. Por fim, isso também permite com que outros jogadores entrem na conversa e acabem por optar pela primeira resposta ao falar com ele.

A terceira resposta é a melhor. Já que, além de não ser agressivo, você passou um pouco de informação para ela. Não importa caso ela siga seu conselho ou não, ao menos você tentou a convencer de que uma BKB nesse cenário seria uma boa escolha.

O que aconteceria, porém, se a Luna não pegasse a BKB, as próximas teamfights fossem desastrosas por isso? Bem, SlashStrike entra no assunto de que o solo matchmaking é principalmente sobre você.

O que aconteceu antes na partida nem sempre importa

Algo bem importante de se lembrar é que, não se deve ficar comentando sobre coisas que aconteceram 15, 10 ou um minuto atrás. Durante a partida, isso não é relevante.

Não precisa chegar para a pessoa e falar que em certa teamfight ela poderia ter feito X ou Y melhor. Primeiro que, eles não vão aprender nada de você, uma pessoa aleatória que além de os criticar, não joga tão bem quanto imagina.

Eles mesmos podem notar que morreram de uma maneira idiota, caso você fale a eles isso ou não. Na maioria das vezes, isso não é necessário. Independentemente, qualquer tipo de comentários como os descritos acima não vão resultar em melhores decisões durante a partida. Nessa sua tentativa agressiva de “os ensinar”, você acaba sendo um babaca, reduz as chances da partida ser ganha e ainda distrai os outros jogadores.

Guia de Solo Ranked Matchmaking
Por exemplo, é muito fácil analisar que uma pessoa tomou um gank estúpido por meio de um replay, já que todas as informações estão lá. Isso é comum de se realizar após uma partida com uma equipe, mas na hora da partida, o importante é avisar sobre coisas que podem acontecer.

Assim como a situação da Luna, SlashStrike apresenta tres maneiras de como lidar com isso, descritas abaixo:

“Nossa, deixamos o AntiMage farmar o jogo todo e agora ele ta acabando com a gente pq não temos como dar counter”.

“O Anti Mage está farmando mto bem, temos de ganká-lo antes que seja tarde demais.”

“Nós não temos nenhum herói que é bom para lutar contra o anti-mage. Nós deveríamos prevenir o farm e tentar acabar a partida mais cedo antes que ele se torne forte demais”.

Novamente, a primeira opção é ruim, a segunda é mediana e a terceira a melhor. Caso não tenha tanta experiência isso seja difícil de notar até que aconteça. Isso não é desculpa para usar a primeira resposta para qualquer coisa. Você até pode pensar isso, ter suas próprias, mas não necessariamente passar para seu time.

Guia de Solo Ranked Matchmaking
Tais momentos tem de ser pensados apenas na hora. Que nível os heróis oponentes estão, quanto farmaram, o que eles planejam fazer e como dar conter. Não há motivos para ficar pensando no que já aconteceu durante a partida.

Coisas como “Já que um herói X morreu tanto, o herói Y agora ta feedado” são as piores coisas para se dizer. Como apotado antes, desmoraliza a equipe por achar que agora o herói Y está forte demais e o herói X, que morreu diversas vezes, perde a vontade de jogar.

Opiniões importantes nesse caso são: Seria possível farmar mais que ele? Você pode ganká-lo com facilidade?

Isso é que tem de ser discutido, não apontar para as outras pessoas e as culpar por algum problema que ocorreu no início da partida.

A derrota

Ninguém gosta de perder nessa vida, seja no Dota 2 ou em qualquer outra coisa. Mas no MOBA, uma das coisas que mais acontecem são as pessoas desistirem de uma partida com muito pouco tempo, graças a algumas teamfights que perderam.

Como Slashstrike aponta, boa parte das vezes que você ouvem alguém comentar “acaba logo com isso”, são antes de 30 minutos de jogo e as Tier 3 ainda estão intactas. Se você está jogando uma partida como um pub, não tem motivo para não ficar até o final.

O jogo nunca acaba enquanto as Tier 3 ou o Ancient é destruído ou você desiste. Se for para não querer jogar, saia da partida e faça com que ninguém perca seu tempo. Ao fazerem isso, as pessoas acabam por jogar de maneira pior, não farmam direito, compram itens inúteis, fazem escolhas idiotas e morrem a toa. No fim da partida, apenas falam “Viu? Não tinha como ganhar”.

Guia de Solo Ranked Matchmaking
Para Slashstrike, talvez as pessoas façam isso para tenta demonstrar para os outros que elas são “inteligentes” e já sabem o final de uma partida. A realidade é que ninguém sabe o real resultado da partida até o último segundo. O jogo não acabou porque perderam, mas sim, porque desistiram.

Caso isso venha a acontecer, a melhor coisa que pode fazer no momento é não entrar em outra partida até ter a total certeza que conseguirá se manter focado nela inteira.

Por experiência própria, concordo com tas pontos. Em uma partida, tínhamos perdido todas as Tier 3 e Barracks assim como o oponente.

Nos 30 segundos finais da partida, avançamos e o Troll Warlord, que na época não tinha recebido o grande nerf ainda, começou a atacar o nosso ancient. Quando ele estava prestes a ser destruído, ligamos a defesa e conseguimos destruir o ancient deles primeiro.

Para muitos, aquilo era uma partida perdida, mas como apontado acima, nenhuma partida está perdida até o último instante.

Abaixo, algumas dicas não tão importantes, mas que é sempre bom lembrar na hora de entrar em uma partida ranked:

  • Não jogue quando está cansado

Dormiu pouco? Ficou muito tempo na internet? Trabalho? Jogue outro dia, jogue quando se estiver se sentindo mais descansado. Nada é pior do que tentar tomar decisões em milésimos de segundo e você está sem cabeça para isso.

  • Não jogue outra partida instantaneamente após perder uma.

Quando você perde uma partida, ficamos irritados, frustrados, etc. Ao entrar em outra partida é possível que você ainda esteja com essa mentalidade, o que aumentará as chances dessa partida ser um completo desastre.

  • Não deixe que problemas pessoais interfiram na partida

Está com stress no trabalho? Na faculdade, escola, jardim de infância? Nem ouse abrir o Dota. É bem simples, o seu foco vai embora. Não tem essa coisa de “vou jogar um dota para esquecer X ou Y”. É possível que você leve esse problema para dentro da sua partida em decisões bizarras pois não está pensando direito.

  • Se comunique com a equipe

Não entre em uma partida e de uma de mudinho. Nós não conseguimos entender quando você pinga diversas vezes em um canto do mapa. Sempre use o chat com voz ou no mínimo escreva o que deseja para que haja uma maior sinergia na sua equipe.

Guia de solo ranked matchmaking do Dota 2

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.