Desperados III

“Por que alguém lançaria um vídeo sobre as mecânicas de Desperados? A série não e tão pouco conhecida assim”, foi o que pensei antes de lembrar que o primeiro game da franquia tem 19 anos e uma geração inteira provavelmente não o jogou.

O vídeo de pouco mais de seis minutos dá uma pincelada geral no conceito furtivo de Desperados III – onde você sempre vai estar em desvantagem – além de mostrar as habilidades que os personagens possuem para vencer no combate ou passar despercebido. Dentre eles destaco a Isabelle Moreau, que tem um poder parecido com o de Emily Kaldwin de Dishonored 2; ela é capaz de manipular a mente dos inimigos e eliminar dois deles em uma tacada só. Uma boa mudança de ritmo para um jogo que até então era “esconder, atirar, se esconder de novo”.

Outro recurso introduzido é um sistema de reforços mais robusto. Ele tinha aparecido em Helldorado, um jogo que quanto menos eu pensar nele melhor, mas agora volta ainda mais perigoso. Quando um dos personagem é avistado por um inimigo, há uma janela de tempo até que ele alerte outros guardas e chame reforços. Esses reforços irão vasculhar a área por possíveis ameaças e desistirão depois de um tempo. Nessas horas a única recomendação que eu posso dar é: fuja o mais rápido que puder e repense as suas táticas.

Por ser desenvolvido pela Mimimi Games, a mesma de Shadow Tactics: Blades of the Shogun, não espere que Desperados III pegue leve com você. Salvar a missão antes de realizar uma ação arriscada é essencial, e – se for como nos jogo antigos – muitos momentos irão gerar frustração. Mas, ao que tudo indica, aqueles que perseverarem terão um excelente jogo pela frente.

Ele será lançado em 16 de junho no PC, Xbox One e PlayStation 4.

Vídeo de Desperados III explica suas principais mecânicas

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.