Deck of Ashes

O que vai me enlouquecer primeiro? A irresponsabilidade das pessoas durante uma pandemia, o fato de estar em quarentena ou a quantidade absurda de jogos inspirados por Slay the Spire que vão sair este ano? Difícil dizer, mas Deck of Ashes – em acesso antecipado desde abril de 2019 – teve seu lançamento confirmado para 9 de junho.

Desenvolvido pela AYGames, ele não esconde a forte influência que o título da Mega Crit Games teve sobre ele. O estilo de combate, uso de cartas e sinergias, e combate. A maior diferenciação está na exploração, que é mais livre e com mais eventos do que o conceito linear de Slay the Spire. Além disso há todo um sistema de “camping” mais elaborado onde você pode melhorar atributos dos heróis e um sistema de crafting com materiais obtidos no combate.

A estética de Deck of Ashes é mais “low fantasy” do que Slay the Spire e seus equivalentes, mas ainda não me convenceu o suficiente para testá-lo. One Step From Eden ao menos trazia consigo a bagagem de Mega Man Network, enquanto o prestes a ser lançado Monster Train usa “camadas” para aumentar a complexidade. Não creio que a temática / mecânicas em si vão sumir da indústria tão cedo, mas creio que é preciso revigorar – e muito – os jogos para que o estilo fique mais atraente para mim.

Deck of Ashes sai do Early Access em junho

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.