Cada vez que eu abro um documento novo para escrever sobre Arma 3, percebo quantos anosjá se passaram e a Bohemia Interactive continua lançando novo conteúdo. Depois da atualização Encore, publicada na metade do ano, a desenvolvedora agora se volta para o multiplayer com o lançamento do modo Warlords.

Inspirado no antigo Capture the Island do Operation Flashpoint, as facções NATO (azul) e CSAT (vermelho) devem ocupar territórios tomados por forças controladas pela IA. Depois disso é necessário estabelecer uma cadeia de suprimento e atacar a base central do oponente

Outra função interessante – que também é vista com frequência em modos feitos pela comunidade, como King of the Hill – é a opção de requisitar reforços, sejam eles veículos, maisunidades para a sua facção, drones para reconhecimento ou “fast travel”.

Meu interessese recai sobre a comunidade, que nunca foi muito de abraçar modos feitos pela Bohemia Interactive. Entretanto, de todos já lançados, o Warlord aparenta ser o mais “completo”, ambicioso e personalizável (há como criar cenários do modo a partir de um modelo-base oferecido pela Bohemia). Vamos ver se isso vai reduzir a quantidade deservidores de modos coop, que nunca me diverti tanto neles, em favor de um ambiente mais competitivo.

A lista de mudanças está disponível no site oficial.

Arma 3 recebe modo multiplayer Warlords

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.