Certos jogos nos trazem pavor, outros uma certa euforia, mas apenas uma pequena parcela deles trazem uma sensação de comforto. É essa a sensação que eu tenho toda vez que eu vejo um novo trailer da Anodyne 2, desenvolvido pela Analgesic Productions formada por Sean Han Tani e Marina Kittaka, e que teve seu lançamento confirmado para 12 de agosto no PC (GOG / Steam / Itchio) por US$19,99.

De maneira similar ao que foi feito no primeiro Anodyne, a sequência busca “reviver” certos momentos de gerações anteriores de consoles ao mesmo tempo em que conta uma história nova. Neste caso o foco fica para a era PS1 / Nintendo 64 alternada entre a era 16-bit. Uma peculiar união de modelos com um número baixo de polígonos e momentos com visão top-down que – por mais distintos que sejam – conseguem se unificar muito bem.

A história da sequência acontece na ilha de New Theland, onde uma infecção chamada Nano Dust afeta os habitantes e o jogador, no papel de Nova, deverá literalmente entrar no corpo dos habitantes e remover o dust.

A Analgesic Productions também aponta que a sequência dá uma maior ênfase a exploração, com a capacidade de Nova se transformar em um carro e a ilha ser totalmente explorável. Pessoalmente não vejo a hora de poder explorá-la.

Se você quer um gostinho – mesmo que um tanto diferente – do que esperar de Anodyne 2, eu recomendo jogar All Our Asias, ou Even the Ocean, ambos fantásticos jogos por Sean Han que exploram conceitos de paternidade, etnia e vivência em um país estrangeiro.

O adorável Anodyne 2 ganha data de lançamento

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.