Anamorphine

Chamar Anamorphine de um “adventure” é fazer um desserviço ao interessantíssimo projeto da Artifact 5, mas também é o mais próximo que eu posso chama-lo de algo tradicional. Nesta semana a desenvolvedora anunciou que ele estará disponível por US$19,99 no PC (com suporte a Vive e Rift) e PlayStation 4 em 31 de julho.

O game contará a história de Tyler, um homem que ao longo da jornada, revisita uma série de fases que passou na vida com sua então esposa Elena, que sofre de depressão e falece em um acidente. Tyler, então, se sente culpado por não ter a ajudado enquanto havia tempo.

Toda a jogabilidade de Anamorphine é traduzida via detalhes visuais e sonoros, sem prompts de botão ou cortes. Como a temática em si, assistir ele para quem sofre de ansiedade ou depressão — o meu caso — é um tanto quanto pesado. Navegação por ambientes surrealistas, mas com significados profundos; a ideia de que é preciso de buscar uma válvula de escape para os problemas.

Adventure Anamorphine sai ainda esse mês no PC e PS4

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.