Cult of the Lamb

Eu não sei o que deu nas desenvolvedoras, mas a quantidade de jogos sobre criar cultos subiu exponencialmente de meados de 2020 para cá. O próximo que está na minha lista de interesse é o recém-anunciado Cult of the Lamb desenvolvido pela Massive Monster e publicado pela Devolver Digital.

Previsto para 2022, o que o diferencia de tantos outros como “Honey I joined a Cult” da Team 17 é o fato que Cult of the Lamb é parte administração e parte dungeon crawling. Você assume o papel de um cordeiro possuído que, após ser salvo da aniquilação, deve pagar a dívida criando um culto e recrutando seguidores.

A ideia em si já é muito mais atraente do que um mero “gerenciador de cultos”, mas o que me fisgou por ora é a estética. É uma peculiar união de algo “fofo” com o mais puro caos que encaixa bem no portfólio da Devolver. Fico um pouco apreensivo do lado de gerenciamento ser meio raso, mas contando que o combate seja ao menos competente, acho que dá para fazer vista grossa.

Todavia, o que dá para notar pelo trailer de anúncio, ao menos ele promete alguns chefões desafiadores. Mas fica a dúvida: Para quem eu xingo quando eu morrer em uma das dungeons? Deus, o diabo, quem amaldiçoou meu personagem? Alguma outra religião?

Saberei mais ano que vem quando ele sair para PC e consoles.

Administre um culto em “Cult of the Lamb” da Massive Monster

About The Author
- Ex-colaborador da EGW e redator para o BABOO. Tento constantemente entender sistemas e relacioná-los às emoções e reações que sentimos nos jogos.